Renato Augusto e Giuliano dominarão o noticiário do Corinthians nesta semana.

Únicos reforços de 2021, os dois meio-campistas serão registrados na CBF, apresentados à imprensa no CT e, legalmente, já terão condições de estrear no domingo, contra o Santos, na Vila Belmiro.

Mas e fisicamente? Eles já estão aptos a jogar? O ge procurou o preparador físico Flávio de Oliveira para saber a condição dos reforços.

Na segunda-feira, ambos participaram de um treinamento coletivo de 45 minutos. Foi o primeiro treino com bola de Renato, que não joga desde dezembro de 2020, ainda na China. Giuliano, um pouco à frente, tem melhores condições de jogo. A última partida dele na Turquia foi em abril.

– Os dois ficaram sem jogar nesse período, mas vinham trabalhando com personal trainers. Um trabalho que acompanhamos diretamente com os profissionais assim que eles chegaram no clube. Eles fizeram todos os tipos de avaliações necessárias pelo departamento médico, fisioterapia e de preparação física, eles estão bem equilibrados. Renato é bom salientar que voltou muito mais forte em comparação a última passagem dele pelo clube (em 2013/15). Então, em resumo, não tivemos nenhum problema nessas avaliações inicias – disse Flávio de Oliveira.

O profissional preferiu não colocar uma data para a reestreia dos jogadores. Assim como já indicou o técnico Sylvinho, Giuliano aparece um pouco à frente do companheiro por ter feito mais treinos de campo.

– É óbvio que eles precisam de um trabalho de uma maneira mais específica, dentro do campo, no dia a dia, com pequenos jogos, grandes jogos, mas a evolução vem sendo muito boa. Giuliano começou uma semana à frente do Renato, então está um pouquinho mais rodado, com mais volume de treino. Mas essa semana os dois estarão juntos com o grupo e sempre muito afinados no nosso dia a dia, no processo de evolução, de treinamento, de volume e intensidade. A gente ainda não tem uma data definida para eles jogarem. Mas estão evoluindo, crescendo e melhorando – afirmou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?